instagram arrow-down

Sobre nós

O Liberidade surgiu com a missão de trazer luz ao cotidiano dos idosos e escrever novos capítulos de velhas histórias. Afinal, se tudo correr bem, todos vamos envelhecer. E nada melhor do que saber aproveitar a liberdade que a maturidade proporciona.

Categorias

Posts recentes

Comentários recentes

Arquivo

Meta

Americana de 80 anos é a nova estrela dos jogos online

Shirley Curry acha a recente fama estranha, já que conhece muitos outros jogadores mais velhos, porém eles escondem a idade

O Liberidade contou, em março, a história de três mulheres que se aventuram no universo jovem do YouTube mesmo tendo mais de 40 anos. Na última semana, uma americana de 80 anos chamou atenção pelo mundo fazendo uma coisa parecida, só que no mundo dos games.

Shirley Curry é conhecida na internet como Gaming Grandma, algo como vovó jogadora em português.  Ela passa horas de seus dias jogando – principalmente o game Skyrim, seu favorito. No YouTube, é comum encontrar pessoas que reproduzem seus jogos na rede social, e é isso que a americana faz.

Leia mais: “É papel da família mostrar que os idosos são bem vindos”, diz jovem

Shirley usa a própria foto nas redes sociais e não tem problemas em falar a real idade (Foto: Reprodução/ Twitter)

Shirley usa sua própria foto nas redes sociais e não tem problema em falar a real idade (Foto: Reprodução/ Twitter)

Seu canal tem mais de 130 mil inscritos, gerando cerca de 3,5 bilhões de visualizações ao mês. Ela também reúne centenas de seguidores no Instagram e mais de 2,3 mil no Twitter. Mas Shirley não vê isso como algo necessariamente bom.

“Eu acho que é muito estranho. Existem muitos jogadores mais velhos no YouTube, o que acontece é que uso minha foto de verdade e não tenho problemas em falar minha idade. Muitos gamers têm medo de receber comentários maldosos”, explicou a americana em entrevista ao The Huffington Post.

Leia mais: Americano tem reação emocionante ao fazer leitura labial e descobrir que seria avô

“Se uma pessoa mais velha é saudável e está interessado em jogar, não há nenhuma razão para que eles não devam ou não possam”, completou. Shirley acredita que estar online ao lado de outros idosos mostra que os mais velhos são capazes de entender e usar as atuais tecnologias. A gamer incentiva mais pessoas a usarem suas próprias fotos e dizer suas reais idades. “Então, todo mundo saberia que há muitas pessoas mais velhas (na internet) e que isso não seria grande coisa.”

Só mais uma coisa incomoda Shirley: com a fama, há menos tempo para jogar e usar o YouTube.

  • Cadastre-se e receba nossas novidades!